Ana Mendes Godinho: “O que faz a diferença na competitividade são as pessoas”

Ana Mendes Godinho: “O que faz a diferença na competitividade são as pessoas”
Ana Mendes Godinho
Ministra do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social

A ministra do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, Ana Mendes Godinho, defende que “o que faz a diferença na competitividade das organizações são as pessoas”. Esta é uma das ideias principais afirmadas em entrevista à segunda edição do 2050.Briefing, subordinada ao tema “O poder das pessoas como agentes de mudança”. Fica o convite para assistir à talk, no ar ainda em setembro.

Em entrevista, advoga a importância do pilar Social da sustentabilidade, considerando que não é por acaso que o ministério que tutela também é da Solidariedade.

Na sua ótica, são as pessoas que, com a sua motivação e criatividade, fazem as empresas crescer e inovar.

Esta é uma entrevista que pode ser lida na segunda edição impressa do 2050.Briefing, bem como vista online.

Partilhe

Talk

O poder das pessoas como agentes de mudança

Edição

O poder das pessoas como agentes de mudança

Receba em exclusivo o 2050

Newsletters, Talks, Edições, Podcasts sobre Sustentabilidade, Eficiência, Inovação, Mobilidade e Pessoas.